Blog

Saiba como ser mais criativo no trabalho

Na semana passada, nós tivemos o Dia da Criatividade e, após ver tantos posts sobre isso, decidi escrever sobre o tema. Eu tenho a impressão que muitos encaram isso como algo de outro mundo e já ouvi dizer que ser criativo não é para qualquer um… mas eu acredito que seja; pelo menos para aqueles que estejam dispostos a questionar.

O significado da palavra criatividade (criar + atividade) é a capacidade de criar e/ou produzir, e isso pode ser desde algo simples até as grandes ideias. Claro, como qualquer habilidade, aprimora-se com a prática. É como um esporte, você precisa treinar todos os dias, até começar a superar os próprios limites. Dessa forma, quando você começa a pensar “fora da caixa”, percebe que há um mundo infinito de possibilidades e oportunidades.

A criatividade não só é a ferramenta de trabalho de muitas pessoas, como também pode estar presente no dia adia de qualquer profissional, de qualquer área. A partir de uma necessidade, você usa o seu próprio repertório para chegar em conclusões eficazes. Por exemplo, você pode ser criativo na forma como atende o seu cliente, como lida com as situações difíceis, como inspira e motiva as pessoas a darem o melhor de si, como convence os outros do seu ponto de vista e até em como organiza e decora o seu ambiente de trabalho. A ideia é que, de alguma forma, isso traga resultados; pode ser desde a produtividade até a própria experiência.

Tem dias que é realmente difícil e nenhuma ideia parece suficientemente boa… mas na verdade, você mesmo pode estar criando esse bloqueio; provavelmente inconscientemente. Isso também pode estar relacionado com o seu local de trabalho. Quando estamos em um ambiente onde não nos sentimos seguros e confiantes para sugerir ideias, com medo dos julgamentos, a tendência é sempre nos policiarmos; o que acaba, inclusive, nos impedindo de exercer todo o nosso potencial. Portanto, não seja tão duro consigo mesmo, dê chance ao erro!

Eu sei que falando assim parece muito simples… então que tal sairmos das teorias? Há algumas estratégias realmente eficientes que podem te ajudar a ser mais criativo e usar essa habilidade no trabalho. Vamos lá?

 

  1. Busque referências

O nosso cérebro trabalha por associação, então dê uma olhada no que outras pessoas já fizeram e nos caminhos que você mesmo já trilhou… isso pode te inspirar ou, pelo menos, te dar uma noção do ponto de partida.

 

  1. Trabalhe com uma linha de raciocínio

Nós chegamos às soluções muito mais rápido quando treinamos o nosso cérebro a seguir uma linha de pensamento. Há diversas estratégias para isso; como o mind map (mapa mental), por exemplo. Você pode usar palavras-chave, imagens, cores e tudo o que achar necessário e eficaz, de maneira aleatória ou conectada. Você cria a sua estratégia!

 

  1. Lembre-se: tudo pode ser aproveitado!

Note e anote tudo, faça rascunhos, desenhos e não desperdice nenhuma ideia… nem aquela que achou a mais absurda. Aposte em um brainstorm (chuva de ideias); afinal, toda ideia é um ponto de partida.

 

  1. Coloque-se em um estado descontraído

Claro que é preciso foco… mas fazendo novamente uma analogia com os exercícios físicos, você sempre precisa de uma pausa durante as séries no treino, não é? O nosso cérebro também funciona assim… chega uma hora que parece que não conseguimos pensar em mais nada. Então tente ocupá-lo com outra coisa por alguns minutos; isso faz você voltar mais focado e com uma outra visão. O importante é se colocar em um estado de descontração e não de tensão… pode ser ouvindo aquela música que você gosta e que te deixa animado, por exemplo.